A Quaresma

  •  

    Quarentena

    Esse é o tempo que normalmente se destina a um processo de purificação, desintoxicação, limpeza ou descontaminação. A quarentena é um tempo destinado a observação de pessoas e ou situações que estiveram expostas a condições que poderiam oferecer riscos de contaminação química, biológica ou de outras naturezas. Nesse período, normalmente, se submete a pessoa ou situação em questão a tratamentos e testes. Finalmente, o que se deseja é que venha a liberação. Um atestado de alta. Isso significa que a pessoa está livre para seguir seu curso normal de vida.

    A igreja usa um termo que tem sonoridade e significa semelhante: Quaresma. Trata-se de um ciclo litúrgico de quarenta dias destinados a processos de purificação através de meditações e reflexões espirituais. A quaresma traz em si o significado do número quatro, que é o número que se refere à humanidade. O período da quaresma está ligado a outros episódios bíblicos envolvendo o número quarenta. Foram quarenta anos no deserto para o povo de Israel refletir e retomar a vivência e o conteúdo dos dez mandamentos, bem como todos os significados da religião judaica. Foram quarenta dias e noites que Moisés passou no Monte Sinai para receber o conteúdo dos dez mandamentos. Jesus permaneceu no deserto por quarenta dias se preparando para sua grande missão, pois sua humanidade estava sendo afinada aos grandes propósitos de Deus, para ele ser o salvador do mundo.

    A igreja cristã então definiu este período antes da Páscoa como ciclo quaresmal. São esses quarenta dias que antecedem a Páscoa. Iniciamos com a quarta-feira de cinzas e concluímos com a celebração da Páscoa. Das cinzas do arrependimento, vamos direto às luzes da ressurreição de Jesus, garantia da nossa própria ressurreição.

  • As cinzas nos remetem ao significado do arrependimento, que nos levam aos recomeços necessários sempre que nos damos conta das nossas falhas, imperfeições e pecados, marcas da nossa humanidade. A quaresma é um tempo especial de penitências, arrependimentos, recomeços, retomadas. Através destes exercícios, vamos reconstruindo nossa própria humanidade, pois sempre que nos colocamos diante de Deus e do próximo em humildade, sinceridade e transparência, vemos resgatada nossa humanidade pelo poder do Espírito Santo de Deus. Este é um bom tempo para repensar aquelas mágoas e ressentimentos que nos afastam das pessoas que um dia conseguimos amar e com quem conseguimos conviver. Passamos pelas cinzas e renascemos para uma nova vida.

    Aceitemos os convites para renovar as nossas relações, dando-lhes significados novos e voltados para uma vivência de harmonia e serenidade. Isso é possível, isso está ao seu alcance. Deus estará sempre junto para multiplicar as forças e aumentar a humildade, elementos necessários para refazermos nossos caminhos de comunhão com a família, com os amigos e principalmente conosco mesmos.

    Tempo de quaresma. Tempo de cinzas. Tempo de recomeço para toda a humanidade.

  • Pastor Alcione Eidam – Capelão